O solitário Flicts faz 50 anos e ainda pergunta: “Eu posso ser seu amigo?”.

Um dos mais importantes livros da carreira de Ziraldo e do cenário cultural artístico brasileiro na década de 1960, Flicts completou 50 anos em julho de 2019. Para comemorar esta data tão importante, a designer e sobrinha do autor Adriana Lins e o designer e escritor Guto Lins, prepararam uma surpresa para Ziraldo e para o leitor.

Uma edição comemorativa, fac-similar à primeira edição, acompanhada de comentários de grandes amigos de Ziraldo e importantes nomes da literatura e da arte brasileira, como Rachel de Queiroz, Millôr Fernandes e o primeiro editor do livro, Fernando de Castro Ferro. A crônica escrita por Carlos Drummond de Andrade no dia do lançamento do livro, é apresentada na íntegra nas páginas iniciais da obra, trazendo a opinião do poeta sobre essa obra-prima de Ziraldo.

Livro ganhador do prêmio Andersen de 2004 da Revista Andersen e Libreria dei Ragazzi, Milão, recebeu por esta edição o Prêmio Especial Edição Comemorativa da FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil).

Flicts - 50 Anos Comemorativo

R$52,95
Flicts - 50 Anos Comemorativo R$52,95
Entregas para o CEP:

Meios de envio

  • Loja Serelepes Tropical Plaza Av Rui Barbosa, 698 | Loja 112 | Centro - Macaé/RJ Atendimento Segunda à Sexta de 9h às 18h e Sábado de 9h às 13h

    Grátis

O solitário Flicts faz 50 anos e ainda pergunta: “Eu posso ser seu amigo?”.

Um dos mais importantes livros da carreira de Ziraldo e do cenário cultural artístico brasileiro na década de 1960, Flicts completou 50 anos em julho de 2019. Para comemorar esta data tão importante, a designer e sobrinha do autor Adriana Lins e o designer e escritor Guto Lins, prepararam uma surpresa para Ziraldo e para o leitor.

Uma edição comemorativa, fac-similar à primeira edição, acompanhada de comentários de grandes amigos de Ziraldo e importantes nomes da literatura e da arte brasileira, como Rachel de Queiroz, Millôr Fernandes e o primeiro editor do livro, Fernando de Castro Ferro. A crônica escrita por Carlos Drummond de Andrade no dia do lançamento do livro, é apresentada na íntegra nas páginas iniciais da obra, trazendo a opinião do poeta sobre essa obra-prima de Ziraldo.

Livro ganhador do prêmio Andersen de 2004 da Revista Andersen e Libreria dei Ragazzi, Milão, recebeu por esta edição o Prêmio Especial Edição Comemorativa da FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil).